Blog

Notícias, novidades e informações sobre o mundo Hard Tech

People First: o que é e por que adotar essa filosofia em sua empresa?

O termo People First está sendo cada vez mais utilizado no mundo corporativo, mas o que isso significa na prática? 

O que é ser People First 

People First é um conceito adotado por empresas de sucesso, em que o colaborador é colocado no centro das tomadas de decisão. Dessa forma, toda ação dentro de uma organização, precisa levar em consideração a experiência do funcionário e pensar nos impactos. 

Ao criar essa centralidade no colaborador, o primeiro efeito que notamos é a satisfação do funcionário e consequentemente colaboradores mais satisfeitos e que esse sentimento alavanca os resultados da empresa como um todo. 

A pandemia impulsionou a cultura People First? 

Durante esse período, ser People First se tornou mais do que necessário. Muitas empresas que não tinham, por exemplo, um olhar especial para a saúde e bem-estar de seus colaboradores, precisaram mudar sua cultura e forma de pensar e agir para se adaptar a esse cenário. 

A pandemia trouxe diversas provocações sobre a importância do cuidado e de colocar as pessoas em primeiro lugar. Tivemos que transformar nossa casa em um escritório, escola, faculdade. Diante dessas dificuldades, algumas organizações estão buscando soluções desde terapia, por exemplo, até redução no tempo de reuniões para permitir pequenos intervalos durante o dia. Tudo isso são pequenos exemplos do que é ser People First

Como funciona a atração e retenção de talentos, principalmente de tecnologia, em uma empresa People First 

Estamos em um momento em que diversos segmentos estão buscando profissionais de TI. A competição pelos melhores talentos está cada vez maior. É preciso refletir o tempo todo sobre qual é o diferencial procurado nesses novos colaboradores. 

Tudo começa por criar um ambiente em que as pessoas se sintam apoiadas e estejam constantemente aprendendo novos conteúdos. Os gestores precisam se questionar sobre o que foi assimilado naquele dia ou naquela semana e, sobretudo, quais chances foram dadas para que seu time pudesse aprender algo novo.  

A retenção está diretamente ligada ao quanto uma pessoa está aprendendo. Ao criar um ambiente de aprendizagem contínua, confiança e boas relações, é possível reduzir as chances de um desligamento. 

Como se tornar uma empresa People First 

É preciso gerar confiança entre os colaboradores para criar um ambiente agradável. Por exemplo, em times multidisciplinares, cada indivíduo deve se sentir à vontade para colocar suas ideias e se posicionar. Isso significa estar disposto a aprender, não apenas a defender um ponto de vista. 

Para isso, é necessário valorizar a multidisciplinaridade de perfil e mostrar que toda pessoa tem o mesmo nível de importância dentro de um time. 

Esses são alguns exemplos do que buscamos constantemente na agenda de pessoas. 

Como a filosofia People First auxilia no processo de Transformação Digital 

A Transformação Digital é uma tendência e já está mudando o mercado. Pensando nisso, existem alguns pontos a respeito de como essa horizontalização impacta os colaboradores:  

1. Inspirar pessoas pelo propósito. Ter claro o que você está buscando e quais impactos você quer causar. Não existe uma separação entre empresa e colaborador quando se trata de valores; 

2. Capacitar pessoas dentro das competências necessárias. Quando falamos de Transformação Digital, nem todos estão preparados para esse processo. É papel da liderança capacitar essas pessoas para as mudanças; 

3. Trabalho colaborativo! Além de desenvolver individualmente, é possível agregar valor aos seus clientes quando se tem um grupo multidisciplinar; 

4. Aprendizagem contínua. É preciso desenvolver e destacar as habilidades de cada colaborador o tempo todo; 

5. Pensar em crescimento. Se questionar sobre o que podemos fazer de diferente e como inovar são reflexões que nos tiram da zona de conforto. 

Bastidores da Inmetrics: ser People First é ouvir as pessoas e ter um propósito claro 

Trazendo para o dia a dia da Inmetrics, um dos pontos essenciais que acreditamos é a escuta ativa.  

Trabalhamos com uma ferramenta de mensuração semanal de sentimentos onde cada pessoa compartilha como foi sua semana trazendo pontos positivos e negativos. Isso nos dá a possibilidade de tomar ações rápidas para atender às necessidades de cada indivíduo. 

Além disso, temos um propósito interno de que a Inmetrics seja um lugar incrível para se trabalhar. Isso envolve toda a jornada do colaborador. Desde a atração, capacitação, treinamentos, até a retenção. Acreditamos e somos valorizados pelo impacto causado em cada uma dessas ações.  

Acreditamos no ser humano, temos a escuta ativa e colocamos o colaborador na centralidade das nossas decisões. E isso é ser People First. 

Esse artigo foi baseado em nosso episódio do podcast “Os Bastidores de uma Empresa People First”, que contou com a participação de nossa Diretora de People & Culture, Edmaira Truzzi. Confira aqui o episódio completo.