Muito além da Transformação Digital

Muito além da Transformação Digital

Para além da digitalização, a Transformação Digital de uma empresa deve envolver objetivos claros, princípios para orientar as mudanças – de cultura e de comportamentos, e indicadores que tornem o processo real

Toda grande empresa passou ou deve passar por uma jornada de Transformação Digital. A mudança pode ser necessária para impulsionar resultados de negócios ou, por exemplo, porque uma nova tendência ou tecnologia no mercado gerou tanto impacto em uma área que fez da transformação uma estratégia de sobrevivência.

De acordo com o Índice de Transformação Digital da Dell Technologies 2020 (DT Index 2020), cerca de 87,5% das empresas instaladas no Brasil realizaram alguma iniciativa voltada à transformação digital no ano passado. O número ficou acima da média mundial, de 80%.

Como resultado, “Transformação Digital” deixou de ser uma buzzword para ser um conjunto de iniciativas e frameworks especializados com objetivos de negócios. Por isso, não é possível tratar do tema como uma questão que envolve apenas canais digitais ou o uso de tecnologias para facilitar processos.

Não é possível iniciar uma jornada de Transformação Digital sem remodelar uma empresa, pensando em componentes fortes, como métodos, way of working ou estrutura organizacional. É um desafio grande, que envolve objetivos claros, princípios para orientar as mudanças – de cultura e de comportamentos, e indicadores que tornem a mudança real.

Transformação Digital se faz coletivamente

Isso significa que a questão fundamental e as oportunidades do futuro não se referem apenas à digitalização de processos. Também diz respeito à forma como a empresa vai repensar a definição de desempenho individual e coletivo; sobre como será necessário contar com times que levem esse conjunto de mudanças a sério e que tenham uma visão de longo prazo, pois o envolvimento dos colaboradores é parte importante da transformação do negócio. 

Além disso, vale lembrar que softwares executam comandos, mas não idealizam novos produtos e serviços, nem decidem quem entra ou sai de um novo mercado. Mais do que contar com novas tecnologias, para que a jornada de Transformação Digital seja de sucesso, é necessário pensar em business transformation: uma transformação que aconteça em muitos níveis e tenha ênfase em inovação, desenvolvimento e aprendizado constantes e na criação de um senso de responsabilidade compartilhada. 

Digitalizar não é o mesmo que Transformação Digital

Esforços digitais têm ganhado força há anos, à medida que as empresas se empenham para acompanhar inovações tecnológicas. Além disso, a pandemia acelerou esse ritmo, já que muitas de nossas atividades – das compras ao trabalho – passaram para o online.

No entanto, essa onda acelerada de iniciativas digitais não deve ser confundida com uma transformação real dos negócios, tão necessária para o sucesso na era digital. Enquanto a digitalização trata, principalmente, de possibilitar os negócios a “permanecerem no jogo”, a Transformação Digital trata da construção de uma vantagem competitiva real e de longo prazo para o sucesso de um negócio.

A verdade é que algumas empresas precisam dar um passo para trás e repensar a forma como geram valor aos seus clientes. É preciso reimaginar seu lugar no mundo, reconsiderar a forma como fazem entregas de qualidade e transformar suas organizações para permitir novos modelos de trabalho. Se você não consegue responder às perguntas “Por que estamos aqui?” ou “Qual valor exclusivo agregamos para nossos clientes?”, então é provável que, na melhor das hipóteses, o seu negócio esteja apenas sobrevivendo em um mundo cada vez mais digital.

Por isso, líderes que desejam garantir o futuro de sua organização devem:

Reimaginar seu lugar no mundo, em vez de se concentrar em digitalizar o que já faz

As empresas que se transformam para o sucesso na era digital definem sua razão de ser em termos do valor que criam para seus clientes e por quê. Elas aproveitam as novas tecnologias não para copiar o que todo mundo está fazendo, mas para avançar em suas próprias missões, investindo nos recursos de diferenciação que lhes permitem cumprir seu propósito. E isso muitas vezes exige que essas organizações abandonem antigos modelos de negócios e velhas crenças sobre a criação de valor.

Criar valor por meio dos ecossistemas da sua organização

As empresas de sucesso na era digital reconhecem que, para permanecerem competitivas, é preciso que diversas frentes de uma organização trabalhem em conjunto. Só assim é possível entregar as propostas de valor ambiciosas que os clientes desejam e inovar com mais velocidade.

Operar dessa forma requer que os líderes de Tecnologia pensem na criação de valor com mais ousadia, questionem alguns métodos de sua organização, estejam preparados para se abrir para os concorrentes e abrir mão de fontes tradicionais de receita para atender a algumas das necessidades mais fundamentais de seus clientes.

Reimaginar sua organização para permitir um novo modelo de criação de valor

Na era digital, vence quem quebra as velhas estruturas de poder para que novas ideias e recursos possam ser dimensionados de forma mais colaborativa. Eles colocaram em prática equipes orientadas a resultados com a tarefa de colaborar em toda a organização e trabalhar com seus parceiros para fornecer os recursos diferenciadores (e muitas vezes multifuncionais) de que precisam para vencer.

Por isso, alguns negócios invariavelmente terão que lidar com questões importantes sobre quanta mudança eles devem realizar e qual a melhor forma de gerenciar a transformação digital.

Essas perguntas não devem ser usadas como desculpas para manter os modelos de negócios atuais. E sem uma transformação de negócios mais fundamental, a digitalização por si só é um caminho para lugar nenhum.

A Inmetrics habilita o seu negócio a escalar e superar os desafios da Transformação Digital

O seu negócio está pronto para uma jornada de Transformação Digital?

Fale com nossos especialistas e saiba como podemos ajudar a sua organização a se manter competitiva na era digital.